Centro Histórico

19 de Julho, Sábado

21h30 Mosteiro de Santa Clara-a-Velha  

Preço 1€

Comissário: Abílio Hernandez

 

Real: Pedro Costa, Víctor Erice, Aki Kaurismäki, Manoel de Oliveira

Ano: 2012. Duração: 80′

O filme é constituído por um conjunto de quatro curtas-metragens de quatro importantes realizadores do cinema contemporâneo. Resultado de uma encomenda de “Guimarães 2012, Capital Europeia da Cultura”, o projeto, que visou mostrar “as histórias que a cidade tem para contar”, vai no entanto muito para além do espaço de Guimarães e das suas histórias, envolvendo temas e realidades diferenciadas, filmadas no estilo próprio de cada cineasta .

O Tasqueiro, do finlandês Aki Kaurismäki, é uma história divertida e melancólica sobre o quotidiano de um dedicado mas algo desajustado dono de uma tasca pouco frequentada.

Sweet Exorcist, de Pedro Costa, recupera a personagem de Ventura, emigrante cabo-verdiano, desta vez num diálogo com a estátua viva de um militar de Abril, que decorre, maioritariamente, no espaço claustrofóbico de um elevador.

Vidros Partidos, do basco Victor Erice, é o único episódio declaradamente documental de todo o filme e homenageia a centenária indústria têxtil da região de Guimarães, fixando-se nos operários de uma fábrica de vidro inaugurada no século XIX e encerrada em 2002.

O Conquistador Conquistado, de Manoel de Oliveira, conta, com a habitual ironia do realizador, uma pequena história centrada em volta da estátua de D. Afonso Henriques, o conquistador conquistado pelos inúmeros turistas que visitam o centro histórico de Guimarães.

Leave a Reply

Your email address will not be published.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.